Ambiente do Aluno

Caro Aluno

Seja bem-vindo ao portal do aluno que foi feito especialmente para que você tenha o máximo de comodidade para acessar as informações mais importantes e relevantes durante sua vida acadêmica aqui na Faculdade Anclivepa de Saúde do Coletivo.

Aqui você encontrará os links com as informações necessárias para solicitação de serviços, acesso ao ambiente da Escola Web, Biblioteca Virtual, entre outros serviços.

Estamos em busca de melhorar sempre mais, por isso a sua opinião será muito bem-vinda!

Aproveite ao máximo este tempo conosco.

Diretoria Geral
Faculdade Anclivepa de Saúde do Coletivo.

Programa de Estágio

O Curso de Medicina Veterinária da FASC contempla duas modalidades de estágio:

a) estágio curricular supervisionado;
b) estágio curricular optativo.

O estágio curricular supervisionado, compreende uma estratégia de profissionalização que complementa o processo ensino-aprendizagem. Consiste na fase de preparação do aluno para ingresso no mercado de trabalho, desenvolvendo atividades que se inter-relacionam e integram a formação acadêmica com a atividade prática-profissional. As atividades desenvolvidas ao longo do estágio são consideradas atividades pré-profissionais, executadas em situações reais de trabalho, sendo este um processo interdisciplinar avaliativo e criativo, destinado a articular teoria e prática. Caracteriza-se como estágio curricular supervisionado aquele que consta na matriz curricular do curso, sendo a sua realização condição obrigatória para a integralização do curso e posterior colação de grau e obtenção do diploma.

O Estágio curricular optativo, deve propiciar o aprendizado e desenvolvimento pessoal e profissional do acadêmico contemplando as atividades relacionadas à profissão do médico veterinário.

É realizado por opção do estudante e deverá ser encarado como atividade complementar, articulada com o processo de formação acadêmico-profissional, obedecendo a proposta pedagógica do curso de Medicina Veterinária desta instituição de ensino e a critério da Coordenação e de sua proposta pedagógica fixar as horas que poderão ser aceitas como Atividades Complementares.

O estágio curricular, quer obrigatório, quer optativo, deve ser profissionalizante, direto e específico, tendo por finalidade inserir o estagiário nas atividades de aprendizagem social, profissional e cultural através da participação em situações reais de vida e trabalho relacionadas ao seu meio.

Em caso de dúvidas, envie e-mail para: [email protected]

Aproveitamento de Estudos

Conforme dispõe a Lei 9.394/96 no art. 47 § 2º – Caso o aluno tenha aproveitamento excepcional poderá solicitar dispensa da disciplina através de uma prova que aplicada e avaliada pela banca examinadora designada pela Faculdade Anclivepa.

O aluno que desejar solicitar a dispensa através do aproveitamento de estudos deverá solicitar através do portal do aluno ou presencialmente na Secretaria de Atendimento ao Aluno.

Programa de Monitoria Voluntária

O Programa de Monitoria representa uma atividade complementar que tem como princípio a identificação da relação teoria/prática como de fundamental importância para um curso de graduação e compreende o auxílio ao docente, sob supervisão, por alunos com grau de conhecimento e experiência compatíveis às especificações determinadas, em atividades de natureza didático-científicas, de assessoria em pesquisa e prático-laboratoriais.

Podem participar os estudantes do curso de Medicina Veterinária e Zootecnia que estejam cursando a partir do segundo semestre, desde que não possuam dependências em nenhuma disciplina.

O programa de monitoria tem por objetivo propiciar aos alunos interessados desenvolver habilidades para a carreira docente, nas funções de ensino, pesquisa e extensão; assegurar a cooperação didática ao corpo docente e discente nas funções universitárias; propiciar a oportunidade de pré-capacitação profissional, nas várias áreas de interesse, com vistas ao treinamento em serviço e descobertas de aptidões intelectuais e vocações.

Possui duração de 1(um) semestre e ao final do período, os participantes que entregarem o relatório final das atividades e forem aprovados receberão um certificado de monitoria, que pode ser validado como Atividades Complementares.

Em caso de dúvidas, o estudante pode encaminhar um e-mail para [email protected]

Inscreva-se e participe!

Dependência

DP e Adaptação

Aqui você pode solicitar sua matricula para cursar as disciplinas em dependência. Para se matricular – Escola Web.


Dispensa de disciplinas:

Destina-se a estudantes que cursaram disciplina(s) em outro curso superior e desejam dispensá-la(s) do curso atual por aproveitamento de estudos. A dispensa é válida para disciplinas que estão em andamento ou ainda serão cursadas ao longo do curso e/ou adaptação. Sendo assim, não é válida para disciplinas em dependência.

Prazo de resposta – 10 dias úteis

Após o envio do pedido de dispensa você receberá e seu e-mail o boleto referente a taxa – Consulte o edital das taxas

Para solicitar clique aqui: Escola Web


Documentos necessários para solicitar sua dispensa:

Disciplinas cursadas em outra Instituição de Ensino Superior

  • Histórico Escolar da Graduação (cópia autenticada, contendo a data e pontuação do Processo Seletivo);
  • Critério de Avaliação (documento que especifica qual o critério utilizado na Instituição de Ensino para aprovação de disciplinas. A entrega desse documento deve ser feita somente se essa informação não constar no histórico escolar);
  • Plano de Ensino referente ao que já cursou e concluiu na outra Instituição de Ensino Superior (cópia autenticada).


Cursadas na própria Instituição de Ensino Superior

  • Apenas realizar solicitação via Escola Web, não precisa entregar documentação.


DP em Atividade Complementar:

As atividades complementares são atividades extracurriculares que possibilitam ao aluno adquirir conhecimentos de interesse para sua formação pessoal e profissional. O estudante que chegar ao seu último semestre e não entregar as atividades ficará com uma pendência e não poderá completar a sua formação acadêmica, ficando impedido de colar grau.

Prazo depende de quando as disciplinas irão acontecer.

Caso tenha interesse acesse aqui e solicite informações para a Secretaria – Escola Web


DP em Estágio:

O estágio é uma importante etapa na vida acadêmica do estudante de Medicina Veterinária, pois é através dela que o aluno pratica seus conhecimentos e desenvolve suas competências. O objetivo do estágio é proporcional uma experiência única para nossos alunos. Aqui na Faculdade Anclivepa o aluno tem o privilégio de atuar diretamente no Hospital Veterinário público que irá trazer experiências impares para a carreira profissional.

O aluno que não obter média suficiente para aprovação no estágio deverá se matricular realizar sua DP para poder concluir seu curso e colar grau.

Para fazer sua matrícula clique aqui: Escola Web


Só quero cursar minhas DP’s:

O aluno pode escolher em cursar apenas as dependências e/ou adaptação no decorrer do semestre letivo ou poderá cursar somente ao término do curso. Importante deixar claro que somente após cursar a dependência que o estudante estará apto a colar grau.

Caso queira solicitar sua matrícula acesse aqui: Escola Web

Avaliação Institucional

Conforme a implantação do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), pelo Ministério da Educação, por meio da Lei 10.861, de 14 de abril de 2004, a Faculdade Anclivepa de Saúde do Coletivo instituiu a Comissão Própria de Avaliação (CPA), cuja função é promover a autoavaliação institucional considerando, obrigatoriamente, cinco eixos:

  • Eixo 1 – Planejamento e Avaliação Institucional
  • Eixo 2 –Desenvolvimento Institucional
  • Eixo 3 –Políticas Acadêmicas
  • Eixo 4 –Políticas de Gestão
  • Eixo 5 – Infraestrutura

A CPA da Faculdade Anclivepa realiza semestralmente o Programa de Avaliação Institucional que tem o objetivo de identificar a qualidade acadêmica, problemas e sugestões de todo nosso corpo discente e docente com o intuito de aperfeiçoar a qualidade de prestação de nossos serviços.

Desta forma, a CPA tem como função classificar e articular o processo de Avaliação Institucional no curso de graduação de Medicina Veterinária além de avaliar as disciplinas de dependência na modalidade ensino a distância (EAD) e a pós-graduação. É também responsabilidade da CPA fortalecer as ações de responsabilidade social da instituição, bem como promover os valores democráticos, o respeito à diversidade, a busca da autonomia e a afirmação da identidade institucional.

Como a CPA atua com autonomia em relação a outros conselhos da FASC, além da função de auto avaliar, também deve analisar, comparar, questionar, criticar e propor estratégias de melhoria em uma perspectiva qualitativa educacional, científica e social, levando em conta os aspectos técnico, político, cultural, social e ético da Instituição.

São funções da CPA:

  • Realizar a avaliação institucional com toda a comunidade acadêmica;
  • Organizar e analisar os resultados da avaliação institucional;
  • Divulgar os resultados;
  • Acompanhar a implantação de ações de melhoria da qualidade;
  • Auxiliar e orientar o planejamento institucional.

Também, de acordo com a Lei nº 10.861/2004, a CPA tem a atribuição de conduzir os processos de avaliação internos da Instituição, bem como sistematizar e prestar as informações solicitadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) por meio de relatórios anuais.

A constituição da CPA obedecerá às seguintes diretrizes:

I – Constituição por ato do dirigente máximo da instituição de ensino superior, ou por previsão no seu próprio estatuto ou regimento, assegurada a participação de todos os segmentos da comunidade universitária e da sociedade civil organizada, e vedada a composição que privilegie a maioria absoluta de um dos segmentos;

II – Atuação autônoma em relação a conselhos e demais órgãos colegiados existentes na instituição de educação superior.


O que é o SINAES?

É o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior brasileiro (Lei nº 10.861 de 14/04/2004) que tem, entre outras, as seguintes finalidades: identificar o mérito e valor das instituições, áreas, cursos e programas, nas dimensões de ensino, pesquisa, extensão, gestão e formação; melhorar a qualidade da educação superior, orientar a expansão da oferta e promover a responsabilidade social das IES, respeitando a identidade institucional e a autonomia. Promove, sistematicamente, a avaliação de instituições (interna e externa), de cursos de graduação e de desempenho dos estudantes (ENADE).


O que é a CPA?

É a Comissão Própria de Avaliação, uma comissão designada pelo dirigente máximo da IES para realizar a coordenação, planejamento, implantação e desenvolvimento de ações de Autoavaliação Institucional. Deve garantir a participação de diferentes segmentos da comunidade universitária e da sociedade civil organizada e atuar de modo autônomo em relação a conselhos e demais órgãos colegiados existentes na IES, além de trabalhar orientada pelas diretrizes e pelo roteiro da Autoavaliação Institucional da Comissão Nacional de Avaliação do Ensino Superior, do CONAES.


O que é a Autoavaliação ou avaliação interna?

É uma modalidade de avaliação prevista pelo estatuto da Faculdade e referência para o SINAES, que visa aumentar a eficácia institucional e efetividade acadêmica e social. Visa fornecer subsídios para tomada de decisão. Constitui-se pelo planejamento e implantação de ações para a produção de informações para o aperfeiçoamento institucional e do curso.


Como o MEC/INEP acompanha os trabalhos de Autoavaliação institucional e de curso?

Relatórios de Autoavaliação Institucional produzidos pela CPA são regularmente construídos após ampla coleta de informações sobre o desempenho da Faculdade em relação ao Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) e enviados ao INEP na forma de Relatórios Anuais e de Ciclo (quadrienal).

Envolvem 5 eixos:

– Planejamento e Avaliação Institucional; Desenvolvimento Institucional; Políticas Acadêmicas, Políticas de Gestão e Infraestrutura.

Esses eixos atendem à dez dimensões (vide anexo). Esses relatórios também são analisados nos processos de Avaliação Externa, sempre que um curso da instituição recebe comissões de avaliação de curso ou de avaliação institucional do INEP/MEC.


O que é a Avaliação externa de curso?

É outra modalidade de Avaliação realizada por comissões designadas pelo INEP, com base em referências de padrões de qualidade para a educação superior, expressas nos Instrumentos de Avaliação de Cursos a partir de informações da instituição e do curso ao MEC. O processo de avaliação externa se orienta por uma visão multidimensional que busca integrar sua natureza formativa e de regulação. A CPA e a Coordenação de curso são responsáveis pelo fornecimento de informação sobre a Autoavaliação para as Comissões de Avaliação Externa de curso e institucional.


O ENADE

É um dos tripés do modelo de avaliação previsto pelo SINAES. É organizado por área, a cada triênio. Os alunos participantes também respondem a um Questionário onde constam questões relativas ao curso, que são consideradas, entre outros aspectos, na composição do índice CPC (Conceito Preliminar de Curso).


NDE – NUCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE

O Núcleo Docente Estruturante – NDE foi instituído no curso de graduação da Medicina Veterinária da FASC pelo conselho da instituição que se constitui de um grupo de docentes, com caráter consultivo para acompanhamento do curso de graduação, atuante no processo de concepção, consolidação e contínua atualização do projeto pedagógico do curso (PPC) visando a continua promoção de sua qualidade.

São atribuições do Núcleo Docente Estruturante, entre outras:

  • Acompanhar a consolidação do Projeto Pedagógico do Curso (PPC); 
  • Contribuir para a consolidação do perfil profissional do egresso do curso;
  • Zelar pela integração curricular interdisciplinar entre as diferentes atividades de ensino constantes no currículo e zelar pelo cumprimento das Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de Graduação.
  • Indicar formas de articulação entre o ensino de graduação, a extensão, a pesquisa e a pós-graduação.

ENADE – Exame Nacional Desempenho dos Estudantes

http://portal.inep.gov.br/enade

Lei 10.861, 14 de abril de 2004

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/lei/l10.861.htm


Nota técnica INEP/DAES/CONAES no. 065

http://www.novoscursos.ufv.br/projetos/ufv/cpa/www/wp-content/uploads/Nota-Tecnica-065-Roteiro-Relatorio-Autoavaliacao.pdf

Portaria no. 2051- MEC

http://www.novoscursos.ufv.br/projetos/ufv/cpa/www/wp-content/uploads/Portaria-2051-MEC.pdf


MEC

http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=287&Itemid=354


INEP

http://portal.inep.gov.br/superior-condicoesdeensino-manuais


SINAES

http://www.inep.gov.br/superior/sinaes/


CONAES

http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=13082:apresentacao-conaes&catid=323:orgaos-vinculados

Abrir WhatsApp
Precisa de Ajuda?
Faculdade Anclivepa
Olá!
Podemos te ajudar?
Sinta-se à vontade para falar conosco.